segunda-feira, 4 de abril de 2011

Crescente de Ferro - Turquia 1ª Guerra

Harp Madalyalari 

O Crescente de Ferro conhecido também como "Estrela de Gallipoli" foi introduzida em 1915 pelo Império Turco-Otomano para condecorar tanto seus homens como seus aliados alemães que atuaram como consultores, observadores ou para aqueles que combateram ao lado dos turcos na Macedonia e no Mar Cáspio. Era também concedida para reconhecimento de heróis notórios, como Manfred von Richthofen e Oswald Boelcke. Ela é identificada pelos colecionadores em duas versões: (I) a de manufatura turca; e (II) a de fabricação alemã.

Os primeiros modelos produzidos na Turquia são muito simples com os metais como o ferro ou o zinco, o fundo da estrela é simplesmente pintado (pintura é muito frágil e facilmente se desfazia). No entanto, durante (?) e certamente, depois da guerra, os modelos mais ricos surgiram com metais melhores, especialmente prata, esmalte de fundo, alguns de fabricação feito pelos melhores medalhistas alemães ou austríacos sendo particularmente luxuosa. O centro da medalha mostra a "Lua Crescente" (símbolo dos maometanos) no centro uma inscrição em árabe em um pequeno círculo significa "o Vitorioso" . Abaixo da tughra, é a data de 1333 AH, correspondente ao ano 1915 do calendário cristão. Um dado interessante que descobri há pouco tempo é o modo que os alemães a utilizavam no uniforme. Haviam duas opções para ostentar a condecoração. A primeira delas era utilizar a medalha diretamente no uniforme, como uma EKI. Caso o soldado não quisesse utilizar a medalha, deveria ele usar a indicação: uma fita. Curioso é que muitos barretes foram montados com essa fita, não existindo condecoração sob ela.

A fita  originalmente presa, por vezes,  no pino da estrela, mas deve ser elevado para o segundo botão do uniforme, segundo o modelo da fita da Cruz de Ferro (Além disso sua largura é  idênticos: 30mm). Quanto à Cruz de Ferro, esta fita tem dois modelos:

- Vermelha com duas listras brancas nas laterais para os combatentes.
- Branca com duas listras vermelhas (cores invertidas) para não-combatentes.

Finalmente, existem grampos em metal branco, que parece não oficiais deslizando sobre a fita. Três clipes foram feitos em árabe sobre os seguintes nomes:

- Chanakkale/Chanak (Gallipoli) para a batalha dos Dardanelos (Gallipoli para os britânicos).
Gaza para a batalha de Gaza
Kanal para a ofenciva sobre o Canal de Suez
- Kut-al-Amara para o cerco de Kut (Iraque)
- SINAQ comemorando os combates na Palestina.



 fabricante Alemão BB.CO TWM

Oficial da Marinha Imperial Alemã com uma "Eiserne Halbmond"

Oficial Aviador Turco com seu Crescente de Ferro

2 comentários:

  1. Essa é uma das condecoracões mais bonitas das guerras mundiais! Parabéns!!
    Abracos,
    Ricardo

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...